Vou aqui repetir o que já escrevi na página inicial, pois Projecto, Projecto, não há, pelo menos por enquanto e também não foram delineadas quaisquer intenções ou estratégias de jeito. Por isso, até que alguma coisa mais significativa nasça, aí vai porque isto aparece na Net:

Bem, este Blog nasce… porque nasce.

Por nada e por tudo, enfim…

Porque acho que terei algum tempo para lhe dedicar (espero), porque já me perguntaram se tinha, ou porque não criava um blogue, e porque… sei lá!…

Porque sim, é uma justificação válida? :-)

Porque às vezes apetece falar de algo, escrever acerca de algo, umas vezes por bem outras por mal, porque me falta qualquer coisinha, ou como alguns também costumam dizer, porque estarei farto de estar bem (e estar bem entenda-se aqui, que talvez possamos considerar o estar sentado numa esplanada qualquer a beber um caneco e ver quem passa ou, se fosse em tempos idos, a conversar com malta amiga que agora se fecha em casa e nunca tem tempo para sair seja para uma conversa da treta ou até contar umas anedotas ou umas considerações da tanga que se calhar nos ajudavam a desanuviar dos problemas da vida e nem sentíamos).

Então vou escrever porque também a mim me apetece por vezes uivar à lua…

Não sei o quê, mas alguma coisa há-de vir aos dedos, com tanto que às vezes temos vontade de gritar ou pragejar. Talvez diga mal deste ou daquele, governo, políticos, instituições, ou talvez me limite apenas a constactar determinados factos, talvez até venha só aqui colocar algumas curiosidades, transcrições, ou outras palermices, não sei, logo se verá.

Se calhar abro isto à navegação, para não se tornar chato e sempre o mesmo gajo a cagar postas de pescada…

Por falar em cagar, começo logo com uma dúvida quase existencial: com ou sem palavrões? Ah, e se colocasse uma poll (inquérito, para os menos batidos nestas coisas) para ver se preferem com ou sem acordo ortográfico? É que eu fiquei um pouco de candeias às avessas com o dito, por isso… eh pá, afinal já são 2 dúvidas… estamos a começar bem :-D

Ok, logo se verá, bora aí então…

AA (não, não é o que estão a pensar… :-) )